Expectativa: Bolsonaro ainda não bateu o martelo sobre o novo ministro da Educação

 

O encontro do presidente Jair Bolsonaro com um dos cotados para assumir o Ministério da Educação (MEC), o secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, durou mais de uma hora no Palácio do Planalto.

O chefe do Executivo avaliou como positivo o encontro, mas oficialmente ainda não fez o convite.O que se comenta é que o presidente pediu propostas ao possível novo ministro para a retomada das aulas, paralisadas pela pandemia.

Dentro do governo a informação é que Jair Bolsonaro continua analisando outros nomes para o cargo, mas Feder continua na frente.

Da Redação