Fabrício Queiroz é preso

 

O ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, foi preso na manhã desta quinta-feira (18).Queiroz estava em Atibaia-SP, em um imóvel pertencente a um advogado de Flávio Bolsonaro, no momento da prisão. O ex-assessor deve ser transferido para o Rio de Janeiro ainda hoje.

Queiroz  é investigado por suspeita de “rachadinha” na época em que Flávio Bolsonaro era lotado na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Há alguns meses, após agentes apreenderem o celular de Queiroz, as investigações concluíram que o acusado estava sob proteção em Atibaia.O mandado de prisão foi pedido pelo Ministério Público do Rio (MPRJ) na quarta (18), e a Justiça autorizou horas depois.

 Acusação

Em dezembro de 2018, Queiroz foi citado em um relatório do antigo Conselho de Atividades Financeiras (Coaf) por movimentar R$ 1,2 milhão em sua conta de maneira “atípica”.

Promotores apontam indícios de que uma organização criminosa foi montada no gabinete de Flávio, o 01 do presidente, para desviar dinheiro dos salários dos funcionários, a chamada “rachadinha”. O dinheiro teria sido lavado por meio da compra e da venda de pelo menos 19 imóveis no Rio.

Com Estadão Conteúdo