ESPLANADA INTERDITADA: 40 aviões da FAB reforçam segurança durante reunião da cúpula do Brics . Confira outras informações na coluna JPM desta quarta-feira(13)

PODER VIGIADO

Cenas de filme estão acontecendo na capital federal. Chefes de Estado do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul se reúnem na capital nesta quarta-feira (13) e quinta-feira (14)no Ministério das Relações Exteriores (Itamaraty), em Brasília.A Força Aérea Brasileira (FAB) divulgou detalhes sobre a participação da corporação no esquema de segurança montado para o encontro da cúpula do Brics.

SEGURANÇA
A área que concentra o poder político de Brasilia estará toda vigiada. Em terra, a Esplanada dos Ministérios terá o acesso de automóveis restrito para autoridades envolvidas no evento e o acesso a diversos prédios será interditado. Pelo ar, 40 aeronaves vão patrulhar os céus prontas para repelir qualquer ameaça. Ao todo, 1600 militares vão participar da operação de defesa área.
ESPAÇO RESTRITO
De acordo com a FAB, o esquema de proteção dos céus “prevê a criação de áreas de exclusão, com três níveis de restrição a partir da Praça dos Três Poderes, em que só aeronaves autorizadas poderão sobrevoar”. Em uma área de 7,4 quilômetros, considerada área vermelha, qualquer aeronave estará proibida de sobrevoar. Baterias antiaéreas serão colocadas na região.

COISAS DE BOLSONARO

Na manha de hoje, na saída do Palácio da Alvorada , o presidente Jair Bolsonaro apresentou o advogado-geral da União, André Mendonça, como pastor ao público “Ele vai fazer uma oração pelo nosso Brasil e por todos nós, tá ok?”, avisou o presidente, momentos após ter perguntando se havia algum evangélico entre as pessoas que o aplaudiam na grade.

PARTIDO ESVAZIADO

Começou a debandada. Pelo menos 20 deputados estão dispostos a deixar o PSL após o presidente Jair Bolsonaro oficializar o desembarque da legenda. A bancada do partido deixará de ser a segunda maior da Câmara. Atualmente, tem 53 parlamentares e está atrás do PT, com 54 parlamentares.

GRANA

A saída dos bolsonaristas não vai influenciar no recebimento do fundo partidário pela legenda. Isso porque a distribuição da verba pública leva em conta os votos obtidos na última eleição para a Câmara. O PSL é o partido com maior cota do fundo – 12,81%. Até setembro, a sigla recebeu R$ 71,8 milhões.

 INVASÃO
Representantes do opositor Juan Guaidó, reconhecido pelo Brasil como presidente da Venezuela, conseguiram pela primeira vez acesso à embaixada do País em Brasília, na madrugada desta quarta-feira .A embaixadora Maria Teresa Belandria não está no País.

APOIO

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL/SP) usou as redes sociais para declarar apoio à ocupação da embaixada da Venezuela  por um grupo de aliados do Guaidó, opositor do atual presidente da Venezuela, Nicolás Maduro.”Ao que parece agora está sendo feito o certo, o justo”, disse o filho do presidente Jair Bolsonaro, por meio de uma declaração publicada no Twitter. Eduardo Bolsonaro é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara.

 MAIS INFORMAÇÕES

A coluna apurou que o Ministério Público Federal terá acesso a documentos do BNDES. Procuradores da Câmara de Combate à Corrupção e diretores do departamento jurídico e de compliance do bancão finalizam minuta de cooperação que será assinado pelo procurador-geral da República, Augusto Aras e pelo presidente do BNDES, Gustavo Montezano.

AÇÃO DA PF

A Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União, em parceria com o Ministério Público Federal, deflagram a Operação Amigos do Rei na manhã desta quarta-feira (13)para combater a concessão irregular de terras nos projetos de assentamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária na Paraíba. Os investigadores estimam que o prejuízo seja de R$ 9 milhões entre janeiro de 2018 a maio de 2019.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *