Pesquisa BTG Pactual: Após facada, Jair Bolsonaro vai a 30%. Ciro Gomes deve ir para 2º turno

ASSUNTO DO DIA

Ganhou muita repercussão em Brasilia, a divulgação nesta segunda-feira (10) da 1ª pesquisa realizada inteiramente após o atentado sofrido na última 5ª feira (6.set.2018) pelo candidato do PSL a presidente, Jair Bolsonaro. O levantamento indica que ele chegou a 30% das intenções de voto foi realizado pela FSB Pesquisa, contratada pelo banco de investimentos BTG Pactual.Ciro Gomes vai para 2º turno com Bolsonaro. A pesquisa já exclui o ex-presidente Lula, preso em Curitiba, de se apresentar como candidato do PT. Antes, Lula e Haddad ainda eram citados em diferentes cenários apresentados aos entrevistados. Agora, só o nome de Haddad aparece.
Atrás de Bolsonaro e Ciro, vêm três empatados: Marina Silva, Geraldo Alckmin e Fernando Haddad, cada um com 8% de intenção de voto.A pesquisa foi feita nos dias 8 e 9 de setembro (após Bolsonaro ser esfaqueado, portanto). Na última pesquisa do BTG, do dia 3, Bolsonaro aparecia com 26%.A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

No 1º turno
Jair Bolsonaro – 30%

Ciro Gomes – 12%

Marina Silva – 8%

Geraldo Alckmin – 8%

Fernando Haddad – 8%

João Amoêdo – 3%

Alvaro Dias – 3%

Henrique Meirelles – 3%

Guilherme Boulos – 1%

SAÚDE DE BOLSONARO

De acordo com boletim médico divulgado pelo Hospital Albert Einstein na manhã desta segunda-feira (10). Jair Bolsonaro, candidato à Presidência pelo PSL, segue “sem sinais de infecção”, O comunicado diz que “será necessária nova cirurgia de grande porte posteriormente, a fim de reconstruir o trânsito intestinal e retirar a bolsa de colostomia”.O presidenciável está internado desde sexta-feira (07) no hospital na Zona Sul de São Paulo se recuperando de uma facada levada durante ato de campanha no Centro de Juiz de Fora (MG), na tarde de quinta-feira (06). O boletim médico afirma que, passados quatro dias após o ferimento, o estado do candidato “ainda é grave e permanece em terapia intensiva“O paciente permanece ainda com sonda gástrica aberta e em íleo paralítico [paralisia intestinal], que ocorre habitualmente depois de grandes cirurgias e traumas abdominais. No domingo, havia uma movimentação intestinal ainda incipiente e que persiste do mesmo modo hoje”, acrescenta o documento, assinado pelos médicos Antônio Luiz Macedo, cirurgião; Leandro Echenique, clínico e cardiologista; e Miguel Cendoroglo, Diretor Superintendente do hospital

AGRESSOR DE BOLSONARO

O inquérito sobre o ataque ao presidenciável Jair Bolsonaro ocorrido na última quinta-feira (6), em Juiz de Fora (MG) passará a correr na sede da Polícia Federal em Brasília. As equipes de agentes federais de Brasília e Belo Horizonte, inclusive o superintendente da PF em Minas Gerais, deixaram a cidade na manhã deste sábado (8). Adélio Bispo de Oliveira responderá pela Lei de Segurança Nacional, artigo 20, que versa sobre atentado a vida de pessoas públicas ou concorrendo a mandato eletivo, por isso, o inquérito está em Brasília.

SEM PRORROGAÇÃO

A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber, negou a prorrogação do prazo para o PT substituir o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na cabeça de chapa presidencial.Com a decisão, o PT tem até amanhã (11) para fazer a troca de nomes. Se não definir, o partido pode ficar sem coligação na disputa à Presidência da República.Em despacho publicado na noite de domingo (9), a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, admitiu Recurso Extraordinário (RE) interposto pela defesa do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva em processo que discute a elegibilidade do candidato da coligação “O Povo Feliz de Novo” (PT/PCdoB/Pros) nas Eleições 2018.O recurso contestava decisão do Plenário do TSE que, no dia 1º de setembro, indeferiu o registro de candidatura do petista ao cargo de presidente da República. Com a decisão, o RE será encaminhado ao Supremo Tribunal Federal (STF), que dará a palavra final sobre a pretensão do ex-presidente.

SUBMISSÃO VERGONHOSA

Em conversa com com três ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), a coluna JPM, obteve comentários que revelam a indignação com as atitude e iniciativas absurdas do PT junto ao poder judiciário. Eles destacam que tem acabar urgente com essa vergonhosa submissão ao PT, sob o risco de ninguém mais se submeter à justiça.O TSE, por exemplo, determinou sob pena de multa a retirada de imagens e referências à Lula da propaganda e apesar disso ele não sai da TV e rádios.A situação chega ser ridícula, apontam os ministros, que ainda deixam claro que ” parece que o PT está no poder e no comando das decisões mais importante do judiciário, Sem sombra de dúvidas, realmente é uma VERGONHA! Se fora do poder eles desrespeitam as instituições assim, imaginem se voltarem ao PODER?

 

FUNDOS PATRIMONIAIS
MP dos fundos patrimoniais deve ser editada pelo presidente Temer, nesta semana. A MP criará a Lei dos Fundos Patrimoniais, destinada a definir a criação e administração de recursos da iniciativa privada tanto para o museu Nacional como para outros museus. A Lei prevê que o dinheiro repassado ao fundo não terá caráter de doação e voltará às empresas por meio de isenções fiscais.

SELO DA JUSTIÇA

Termina nesta segunda-feira (10), o prazo para que os tribunais encaminhem ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) a documentação necessária para pontuação no “Selo Justiça em Números”. O Selo é concedido pelo CNJ desde 2013 aos tribunais que melhor investem no aprimoramento do sistema de estatísticas e de produção de dados do Poder Judiciário. Nos dois anos de gestão da presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça, Cármen Lúcia, a prioridade aos julgamentos de ações de violência doméstica e homicídios no dia a dia do Poder Judiciário passou a valer pontos na disputa pelo principal prêmio. Será reconhecido também o envio de dados sobre a remuneração dos magistrados.

ANUNCIO DO PT

Nesta segunda ou terça, o Partido dos Trabalhadores deverá anunciar Fernando Haddad como cabeça de chapa em substituição a Lula. Haddad informou, na semana passada, que deverá se encontrar com o ex-presidente nesta segunda-feira, em Curitiba. Segundo Haddad, a decisão deverá ser anunciada em uma carta de Lula aos eleitores e à direção do partido.

BARROSO ADVERTE

O ministro Luís Roberto Barroso, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), advertiu o PT de que a Corte poderá suspender as propagandas presidenciais do partido na TV e no rádio se forem exibidos novas inserções ou programas que apoiem a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência.

MEDIDA DA ANS

A partir desta segunda-feira, dia 10, começa valer a medida tomada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) , que aprovou suspensão temporária da comercialização de 26 planos de saúde de 11 operadoras do país em decorrência das queixas relativas à cobertura assistencial. Os 26 planos juntos têm 75.500 beneficiários. A ANS informou também que os usuários terão a assistência regular garantida. No entanto, para que os planos voltem a ser comercializados para novos clientes, as operadoras deverão comprovar melhorias no atendimento.

MUSEU NACIONAL

Uma semana depois do incêndio que atingiu o Museu Nacional do Rio de Janeiro, na Quinta da Boa Vista, o prédio deverá ser cercado de tapumes para dar início nesta-segunda-fira (10) às obras de contenção e procedimentos para manter a estrutura segura.Amanhã (11), são esperados os técnicos da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) que vão auxiliar nos trabalhos.O reitor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Roberto Leher, disse que a Unesco ofereceu especialistas que já trabalharam em tsunamis e outros desastres para ajudar na remoção dos escombros.

FRASE DO DIA

“Eu não estou defendendo nenhum grupo político. Não fiquei defendendo grupo político. Sou candidato do MDB. É um partido forte, símbolo da redemocratização brasileira, presente em todo o país.Vou formar um time de excelência. No momento em que for eleito presidente da República, a partir daí, eu vou começar a formar o ministério. Vou considerar todos, mas pode ter certeza que vamos ter aquilo que vamos chamar de ministério dos sonhos dos brasileiros”,afirmou ministro da Fazenda, o candidato do MDB à Presidência, Henrique Meirelles, nesta segunda-feira (10)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *