Ciro Gomes: Lula só tem chance de sair da cadeia se a gente assumir o poder

Da Redação

Em entrevista concedida ao programa Resenha, da TV Difusora, no Maranhão, o candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado a 12 anos e um mês de prisão no caso do triplex em Guarujá (SP), só teria chance de sair da cadeia se ele (Ciro) fosse eleito. O petista está preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR).

“Só tem chance de sair da cadeia se a gente assumir o poder e organizar a carga. Botar juiz para voltar para a caixinha dele, botar o Ministério Público para voltar para a caixinha dele e restaurar a autoridade do poder político”, afirmou Ciro.

A frase foi dita no contexto de uma resposta ao jornalista Itevaldo Júnior em que o pedetista tentava explicar a estratégia do PT em insistir na candidatura de Lula, mesmo após a condenação em segunda instância. “Estão cansados de saber que eles não vão deixar o Lula ser candidato, pela Lei da Ficha Limpa que o próprio Lula botou para valer.”

Na resposta, Ciro descreveu aquilo que o PT estaria pensando: “Nós vamos manter a candidatura do Lula, continuar dizendo que ele é candidato, e lá pelo meio de setembro, que a Justiça disser que o Lula não é candidato, o Lula então diria assim: ‘Então se não vão deixar eu vai ser fulano’”.

O pedetista também afirmou que o Brasil “não aguenta um presidente por procuração a uma altura dessas” – referindo-se a um presidenciável que fosse escolhido por Lula. “Eu gosto muito do Lula, mas só porque gosto muito, ele vai apontar outra Dilma [Rousseff]. O Brasil está em um momento muito difícil, precisando de pulso, liderança, autoridade até para corrigir a carga.”

Ao se referir à “carga”, Ciro disse: “Você imagina se com um cabra desse do outro lado [candidatos do campo da direita], o Lula tem alguma chance de sair da cadeia”. Em relação aos possíveis nomes impostos pelo PT no caso de Lula não ser candidato, Ciro afirmou: “Com uma tragédia só resta eu porque ninguém inventa de um dia para a noite. Se inventa, mesmo dando certo acaba dando errado”.