PGR abre investigação sobre vídeo de Gleisi para TV Al-Jazira

 

 

Por Isa Ramos

A PGR (Procuradoria-Geral da República) instaurou procedimento preliminar para analisar a possibilidade de abrir inquérito sobre um vídeo gravado pela presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), para a TV Al-Jazeera, informou nesta quinta-feira (19) a colunista Andreza Matais, do jornal O Estado de S.Paulo

Na gravação, ela diz que o ex-presidente Lula é um preso político e acusa a Justiça brasileira. “Lula foi condenado por juízes parciais em um processo ilegal. Não há nenhuma prova de culpa, apenas acusações falsas”, afirma. A petista termina convocando “todos e todas [do mundo árabe] a se juntarem na luta” para libertar Lula.

Gleisi disse também que o atual governo “está retirando direitos dos trabalhadores e do povo brasileiro e liquidando com o patrimônio nacional” e que “as reservas de petróleo estão sendo entregues a multinacionais”.

Ela citou manifestações e o acampamento em frente à superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR) em solidariedade ao ex-presidente. O vídeo postado por Gleisi em redes sociais foi veiculado na terça-feira (17) pela emissora árabe.