Defesa faz apelo à Fachin contra prisão de Lula

Por Lucas Lyra

 

O advogado Sepúlveda Pertence, integrante da equipe de defesa do ex-presidente Lula, participou de uma reunião com o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), para fazer um apelo pela decisão do juiz sobre a ação ajuizada pela defesa que pede Lula não seja preso preventivamente.

A defesa argumenta que fez o pedido devido a velocidade com que o processo foi conduzido. “Nós fizemos o apelo dada a velocidade do tribunal de Porto Alegre. Está aberto o prazo para os embargos de declaração e, consequentemente, próximo à queda da suspensão da ordem de prisão” disse o advogado.

No ultimo dia 24, Lula foi condenado em segunda instância pelo TRF4 a 12 anos e 9 meses de prisão pelo processo conhecido como “caso do tríplex do Guarujá”. Segundo entendimento derivado de uma decisão de outubro de 2016 pelo STF, réus condenados em segunda instância podem começar a cumprir a pena após esgotados os recursos em um tribunal de segunda instância.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *