Sobe para seis número de mortes por febre amarela no estado do Rio

Sobe para seis número de mortes por febre amarela no estado do Rio de Janeiro. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), o Rio tinha registrado cinco mortes pela doença: três em Valença, uma em Miguel Pereira e outra em Teresópolis.

O caso mais recente também ocorreu em Teresópolis. Trata-se de um morador do bairro Água Quente, de 64 anos, que morreu neste domingo (21) no Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, da Fundação Oswaldo Cruz, onde estava internado. O outro caso em Teresópolis foi de um morador do bairro Prata do Aredes, de 48 anos, que morreu na semana passada.

Outros dois moradores do município continuam internados no Centro de Infectologia da Fiocruz em decorrência de febre amarela. Um deles é um jovem de 18 anos, do bairro Fonte Santa; o outro tem 54 anos e mora na Fazenda Ermitage. A Fiocruz investiga ainda o caso de uma moradora do bairro Tijuca, de 63 anos, com sintomas da febre amarela, mas que ainda não teve o diagnóstico confirmado. Uma moradora do bairro Frades, de 45 anos, teve a suspeita da doença descartada por especialistas.

Da Agência Brasil.