Cobrança do IPTU adicional para quem ampliou imóvel começa em setembro

Cobrança do IPTU adicional para quem ampliou imóvel começa em setembro

Os brasilienses que fizeram reformas com ampliação de área construída em seus imóveis podem preparar o bolso. A Secretaria de Fazenda começa a cobrar no dia 26 de setembro um novo lote do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) complementar referente a 2017. Por meio da aerofotogrametria, o governo do Distrito Federal registrou imagens das 31 regiões administrativas e flagrou várias expansões que não foram informadas pelos contribuintes.

A cobrança complementar vai chegar aos proprietários de 110 mil imóveis no DF. A arrecadação extra deve render aos cofres do DF cerca de R$ 140 milhões.

Em alguns casos, o valor do imposto pode dobrar. A divulgação da cobrança complementar ocorre um dia depois de a Justiça negar liminar pedida pela seção do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-DF) para suspender o aumento do IPTU. Tributaristas da entidade discordam, principalmente, da metodologia baseada na aerofotogrametria e afirmam que ela não possui regulamentação legal, sendo seu uso, portanto, considerado arbitrário.

Informações do portal Metrópoles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *